Governo atende 3 mil pessoas através do Vila Cidadã em Lajes

Um domingo de cidadania. Assim o governador Robinson Faria definiu a realização do Vila Cidadã, projeto do Governo do Estado coordenado pela Secretaria de Estado do Trabalho, Habitação e Assistência Social (Sethas), em Lajes durante todo este dia 10. “Este é um domingo de cidadania, de um governo que busca a justiça social e deve estar perto do povo”, afirmou o chefe do Poder Executivo, em visita ao evento que atendeu cerca de três mil pessoas. Em Pedro Avelino, no sábado (9), outras duas mil pessoas foram recebidas pelos mais de 100 servidores que participaram do Vila Cidadã neste fim de semana, totalizando cinco mil atendimentos em dois dias.

Desde as primeiras horas da manhã centenas de pessoas já aguardavam a abertura dos trabalhos do Vila Cidadã em Lajes. Durante seu discurso, o governador anunciou ainda o projeto para a criação de uma Central do Cidadão na cidade. “Vamos abrir uma Central do Cidadão em Lajes para atender a população da região, que há muito tempo requisita esses serviços”, concluiu Robinson Faria.

Os moradores de diversos municípios da Região Central Potiguar também passaram pela Casa de Cultura Popular durante o domingo para emitir 1ª ou 2ª via de carteiras de identidade, Cadastro de Pessoa Física (CPF), carteira de trabalho, buscar orientação e indicação para vagas de emprego e serviços do Departamento de Trânsito do RN (Detran-RN), por exemplo. “O Vila Cidadã é muito importante por trazer cidadania para o povo, aproximando o governo da população e também fomentando o emprego”, ressaltou a secretária Julianne Faria, da Sethas.

Um dos principais atos do Vila Cidadã neste fim de semana foram as entregas dos 250 cheques para os empreendedores beneficiados com o programa de microcrédito coordenado pela Agência de Fomento do RN (AGN), totalizando aproximadamente R$ 1 milhão entregue para moradores de Lajes e Santana do Matos. Um dos beneficiados foi o agropecuarista Edson Leite, que conseguiu R$ 3 mil. Ele foi do Sítio Palestina, localizado na zona rural de Santana do Matos, até Lajes para requisitar o microcrédito. “Fiquei sabendo do Vila Cidadã e da abertura do microcrédito por um amigo, por isso resolvi vir atrás. Vou investir em criação de ovelhas”, completou ele.

A ação também foi elogiada pela microempreendedora Francisca Ivonete, que discursou em nome de todos os beneficiados. “Em 20 anos trabalhando com o comércio esta é a primeira vez que vejo um governo se preocupar dessa maneira com o microempreendedor. Uma ação dessa é muito boa justamente em um momento de crise como esse”, disse Francisca. A abertura do crédito pelo Governo do Estado foi pontuada pelo governador como um passo importante para a independência do cidadão potiguar. “A entrega desses cheques, representando R$ 1 milhão em crédito, tem um alcance social enorme. O cidadão de Lajes e Santana de Matos que recebeu esse incentivo torna-se independente e a partir do momento em que os negócios prosperarem vão gerar renda e empregos na região inteira”, comentou Robinson.

O Vila Cidadã também ofertou serviços de orientação para agricultores através da Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária e Pesca (Sape) e apresentou palestras e ações coordenadas pelas secretarias da Mulher (SPM) e da Juventude (Sejurn), voltados para temas como a violência contra a mulher e conscientização ecológica. Os artesãos da região também puderam receber suas carteiras nacionais de artesão. “Esse trabalho integrado entre as secretarias é vital para uma promoção real de mudança. É um privilégio, por exemplo, poder reunir-se em uma Casa de Cultura e apresentar as políticas de promoção da mulher, de enfrentamento à violência e abrir um diálogo com todos”, explicou a titular da SPM, Teresa Freire.

Esta foi a primeira temporada do Vila Cidadã pelo interior do Rio Grande do Norte, após três edições em bairros de Natal nos quais mais de 10 mil pessoas foram atendidas. Para o coordenador de desenvolvimento de projetos especiais da Sethas, Paulo Jordão, levar o Vila Cidadã aos municípios de Lajes e Pedro Avelino superou as expectativas quanto aos atendimentos. “A demanda ficou acima do que esperávamos, também porque as secretarias tiveram tempo suficiente para articular com a sociedade local. A presença do governo com ações de cidadania foram muito bem recebidas”, explicou Paulo.

Além das secretárias Julianne Faria e Teresa Freire também participaram do Vila Cidadã os titulares da Sape, Haroldo Abuana, e da Sejurn, Berna Azevedo, e o diretor da AGN, Murilo Diniz.

– See more at: http://www.rn.gov.br/Conteudo.asp?TRAN=ITEM&TARG=111731&ACT=&PAGE=&PARM=&LBL=MAT%C9RIA#sthash.Eh4vaU9N.dpuf

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s