STTU estuda criação de núcleo de assistência social para agentes de trânsito e servidores

A Secretaria de Mobilidade Urbana estuda a possibilidade de criação de um núcleo de assistência social e psicológica para os agentes de trânsito e os servidores do órgão. O núcleo será composto por assistente social, advogado, filósofo clínico, psicólogo e demais profissionais que trabalham com humanidades dentro do próprio órgão.

Para a secretária Elequicina Santos, a ideia de criação deste organismo é importante. “Pois, trata-se de uma necessidade e um apoio para quem precisa.” Outro detalhe é que não haverá custo para o incremento do programa na STTU, vez que o núcleo será formado por profissionais da própria casa e que doarão uma parte de seu tempo ao trabalho voluntário de atender essas pessoas.

Para o jornalista e filósofo, Guto de Castro a ideia de disponibilizar um filósofo clínico na comissão é um avanço no setor público, assim como a própria ideia de criação de uma comissão multidisciplinar para tratar desde problemas existenciais até outros de ordem jurídica. “Essa ideia de religar os saberes para tratar problemas comuns das pessoas é muito importante em um mundo tão complexo como o de hoje”, destaca o pensador.

Nas próximas semanas, o grupo de técnicos da própria secretaria coordenado pela secretária Elequicina Santos, o secretário adjunto Walter Pedro e o advogado Franz Fulco estarão reunidos para construir uma redação final para o projeto.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s