​São João de Natal começa sexta (16) com Festival de Quadrilhas Juninas, shows musicais e praça gastronômica 

Programação terá dois fins de semana com Festival de quadrilhas, espaço para arrasta-pé ao som de vários artistas de vertentes forrozeiras, área livre para brincadeiras e praça de alimentação

 

As principais manifestações culturais do período junino terão um espaço de convergência na próxima edição do São João de Natal, realizado durante dois finais de semana, entre os dias 16, 17 e 18, e 23, 24 e 25 de junho, das 17h a 0h, na área externa da Arena das Dunas. Além de oferecer diversão de qualidade para natalenses e turistas em visita à capital, a ação coloca a capital na rota das principais agendas do Nordeste durante o segundo mais comemorado festejo popular do Brasil. O São João de Natal é realizado por Walde Faraj Produções, Dom Produções e Natal Cultural, com patrocínio via Lei Djalma Maranhão, da Prefeitura de Natal, da Arena das Dunas, e parceria da Intertv Cabugi. O evento também tem apoio cultural da Sam’s.

A programação contará com Festival de Quadrilhas Juninas promovido pela InterTv Cabugi, shows musicais com artistas do Rio Grande do Norte, espaço para dançar e a praça gastronômica, com 50 tendas e 4 bares, servindo comidinhas variadas e culinária regional, além de carrinhos de milho cozido. O acesso é gratuito e a classificação é livre para todos os públicos.

O Circuito de Shows da Arena Cultural vai receber artistas que realçam em seus repertórios os ritmos do Nordeste: Estreia com Khrystal e seu show “ABC do Sertão”; na mesma noite sobe ao palco o cantor e instrumentista Rogerinho do Acordeom, conhecido como Embaixador do Forró por seu trabalho de difusão do ritmo na Europa, onde viveu por vários anos. Ambos se apresentam no dia 16. A segunda noite junina terá Forró Meirão e a forrozeira Klébia Nascimento com o show “Forró Top das Antigas”. Fechando o primeiro final de semana se apresentam os grupos Forró Requebra  e Forró Na Manha.

Na semana de 23 a 25 que marca o ápice junino com a noite de São João, será a vez do Trio de Forró Pé-de-serra, Edja Alves com o show “Caprichosa e Nordestina” e Jaina Elne com seu especial “Folia Junina”. No sábado  Kleber Silva cantando clássicos no “Forró Brechó”, As Nordestinas  e  Fabiano Barbosa encerrando a noite de são joão. No domingo (25), as atrações são Jarbas do Acordeom e seu trio e o show Isaque Galvão e os Canalhas.
FESTIVAL COMPETITIVO DE QUADRILHAS

No São João de Natal, o Festival de Quadrilhas Juninas contará com uma estrutura de pavilhão para apresentações diárias e arquibancadas para melhor acomodação do público interessado em conhecer ou torcer pelas agremiações participantes. São 20 participantes em cada categoria. As quatro primeiras colocadas em cada categoria receberão prêmio em dinheiro de R$ 5 mil para o primeiro lugar, R$ 3 mil para o segundo, R$ 2 mil para o terceiro e R$ 1 mil para o quarto. O melhor marcador, a melhor rainha e o melhor casal de noivos de cada categoria receberão prêmio de R$ 1 mil reais.

A quadrilha estilizada que conquistar o primeiro lugar será convidada a representar o Rio Grande do Norte no Festival Regional de Quadrilhas da Globo, que será realizado no dia 25 de junho na cidade de Goiana, em Pernambuco. Já a segunda, terceira e quarta colocadas poderão se reapresentar no segundo fim de semana do festival da Inter TV Cabugi.

Foram selecionadas as quadrilhas estilizadas: Arraiá da Serra; Arraiá do Cabaço; Arraiá Tradição Junina; Arraiá Zé Matuto; Arraial Balao Dourado; Arraial Estação São João; Associação Cultural Matutina Potiguar; Cia Junina Juventude Potiguar; Cia Junina Lume da Fogueira; Grupo Folclórico Beijoqueiros; Grupo Junino K Pra Nós;  Junina Brejo de Ouro; Junina Gingado Nordestino; Junina Juventude Potiguar; Junina São João; Junina Seu Pêdo; Junina Vire-Mexe; Quadrilha Junina Estilizada Estrela do Sertão; Sensação Nordestina; Sonho Junino. Da categoria tradicional, foram escolhidas: Arraia da Claridade; Arraiá da Mirandinha; Brilho Matuto; Arraia da Rebulico; Arraiá Nação Junina; Arraiá Padre Piná; Arraia Paixão Matuta; Arraiá São João; Arraia Tradicional Ze Matuto; Associação Cultural Arraia Encanta São João; Espaia Braza; Explosão Junina; Grupo Junino Coração Matuto; Junina Sai da Frente; Junina Sertão; Junina Vixe Maria; Mulekada; O Sertão; Junina Iluminar; Quadrilhas Junina Arroxanó.

 
16 A 18 DE JUNHO DE 2017 |  ARENA DAS DUNAS

PROGRAMAÇÃO MUSICAL:
Sexta 16

16h às 23h30 – Festival de Quadrilhas Juninas

19h: Khrystal – Abc do Sertão

21h 30mim: Rogerinho – O Embaixador do Forró

23h 30min: Encerramento

 

Sábado 17

16h às 23h30  – Festival de Quadrilhas Juninas

18h 30m: Forró Meirão

21h: Klébia Nascimento – Forró Top das Antigas

23h 30min: Encerramento

 

Domingo  18

16h às 23h30 – Festival de Quadrilhas Juninas

18h: Forró Requebra

21h: Forró Na Manha

23h: Encerramento

 

23 A 25 DE JUNHO DE 2017 |  ARENA DAS DUNAS

PROGRAMAÇÃO: 

Sexta 23

16h às 23h30 – Festival de Quadrilhas Juninas

18h: Trio de Forró Pé-de-serra

19h: Edja Alves –  Caprichosa e Nordestina

21h: Jaina Elne – Folia Junina

23h 30min: Encerramento

Sábado 24

16h às 23h30 – Festival de Quadrilhas Juninas

18h: Kleber Silva – Forró Brechó

19h 30mim: As Nordestinas

22h: Fabiano Barbosa

23h 30min: Encerramento

 

Domingo  25

16h  – Festival de Quadrilhas Juninas

18h: Jarbas do Acordeom e seu trio

21h: Isaque Galvão e os Canalhas

23h: Encerramento

 

Quadrilhas estilizadas selecionadas:

Arraiá da Serra

Arraiá do Cabaço

Arraiá Tradição Junina

Arraiá Zé Matuto

Arraial Balao Dourado

Arraial Estação São João

Associação Cultural Matutina Potiguar

Cia Junina Juventude Potiguar

Cia Junina Lume da Fogueira

Grupo Folclórico Beijoqueiros

Grupo Junino K Pra Nos

Junina Brejo de Ouro

Junina Gingado Nordestino

Junina Juventude Potiguar

Junina São João

Junina Seu Pêdo

Junina Vire-Mexe

Quadrilha Junina Estilizada Estrela do Sertão

Sensação Nordestina

Sonho Junino

 

Quadrilhas tradicionais selecionadas:

Arraia da Claridade

Arraiá da Mirandinha

Brilho Matuto

Arraia da Rebulico

Arraiá Nação Junina

Arraiá Padre Piná

Arraia Paixão Matuta

Arraiá São João

Arraia Tradicional Ze Matuto

Associação Cultural Arraia Encanta São João

Espaia Braza

Explosão Junina

Grupo Junino Coração Matuto

Junina Sai da Frente

Junina Sertão

Junina Vixe Maria

Mulekada

O Sertão

Junina Iluminar

Quadrilhas Junina Arroxanó

Carlos Eduardo entrega nesta terça-feira a 18ª unidade de ensino 

A Prefeitura do Natal entrega nesta terça-feira (13), para a população do bairro de Igapó, na Zona Norte, o prédio próprio do Centro Municipal de Educação Infantil Professor José Carlos Bezerra de Jesus Filho. A inauguração vai acontecer às 16h30 na unidade de ensino localizada na Rua Bela Vista, S/N. Esta é a 18ª unidade de ensino entregue pelo prefeito Carlos Eduardo Alves desde 2013 até esta data.

O CMEI Professor José Carlos Bezerra de Jesus Filho atende 247 crianças dos níveis II, III e IV da Educação Infantil, e funcionava até então, em um espaço alugado pela Secretaria Municipal de Educação (SME).

A nova estrutura física do CMEI conta com cinco salas de aula, secretaria, direção, refeitório, cozinha, lavanderia, banheiros femininos e masculinos com chuveiros, além do banheiro adaptado para pessoas com deficiência ou pouca mobilidade. A estrutura conta também com rampas de acesso. A obra foi executada pela empresa Conarte – Projetos, Construções e Serviços LTDA, com investimentos de R$ 190 mil do orçamento próprio da Prefeitura do Natal.

De acordo com a chefe do Setor de Orçamentos, Conferência e Manutenção da SME, Miriam Neri de Almeida, o CMEI funcionava em um imóvel alugado, e não foi encontrado um terreno adequado para construir a nova sede na região. “Como a demanda é grande da população do bairro de Igapó para a Educação Infantil, e a SME não encontrava um terreno para construir a sede do CMEI Professor José Carlos Bezerra, então utilizamos uma área existente na Escola Municipal Irmã Arcângela, que possuía um prédio grande. Parte do prédio passou por total melhoria nas instalações físicas para sediar o CMEI Professor José Carlos Bezerra”.

O fiscal da obra e engenheiro do Departamento de Engenharia e Arquitetura da SME, Eduardo Pagnoncelli, explicou que foi construído um muro dividindo a escola do novo CMEI, e as melhorias nas instalações físicas foram realizadas por meio de um projeto de adequação para funcionar a unidade infantil. “Foram reformados todos os banheiros, todas as salas, parte elétrica e hidráulica, revisão de cobertura, foi feito ainda as rampas de acesso, cozinha, refeitório e a parte administrativa foram todas adequadas e reformadas, sendo toda a estrutura praticamente nova”.

O Centro de Educação Infantil Professor José Carlos Bezerra atende crianças dos três anos de idade aos cinco anos e 11 meses, nos níveis II, III e IV da Educação Infantil. A unidade de ensino conta com 10 educadores infantil, cinco estagiários, três auxiliares de serviços gerais, uma assistente de secretariado, dois auxiliares de cozinha, uma merendeira, dois porteiros diurnos e quatro porteiros noturnos.

Professor José Carlos Bezerra de Jesus Filho

Nasceu em São Gonçalo do Amarante no dia 05 de junho de 1952, sendo filho de Francisca Emiliano de Jesus e José Carlos Bezerra de Jesus. Filho de família pobre, sem condições de custear os estudos, começou a ministrar aulas em casa, para ajudar a suprir algumas demandas da família. Com esforços próprios, ajuda e incentivo de sua mãe, foi o único de seus irmãos que conseguiu o êxito da graduação em um curso superior.

A primeira escola a trabalhar foi a Escola Estadual Potiguassu. Entrou para a Rede Municipal de Natal em 1979, e atuou na Escola Municipal Irmã Arcângela, ministrando aulas para as turmas de 4ª série e alfabetização. Também atuou na Escola Municipal Vicente de França Monte (São Gonçalo do Amarante) e Instituto de Cegos.

Dos seus 24 anos de trabalho na Escola Municipal Irmã Arcângela, atuou na função de coordenador pedagógico e foi candidato ao cargo de vice-diretor e professor.

No 2000 foi acometido por um grave problema de saúde, mas resistiu e continuou servindo e ajudando aos que estavam ao seu redor. Em 25 de setembro de 2004, sofreu outra crise de saúde e, desta vez, não resistiu. Adormeceu. Deixou saudades aos familiares e amigos, que o reconhecem como um ser humano fantástico. Admirado por suas virtudes, era também conhecido e respeitado no bairro de Igapó, onde viveu até seus últimos dias.