Robinson reúne deputados e apresenta pacote de recuperação fiscal, como demissões, extinções de órgãos e aumento de impostos 

O governador Robinson Faria reuniu deputados estaduais do Rio Grande do Norte na manhã desta terça-feira (9) para pedir celeridade e apoio dos parlamentares na aprovação do RN URGENTE, o pacote de recuperação fiscal do estado. Estiveram presentes na Governadoria, no Centro Administrativo, o vice-governador Fábio Dantas e 23 dos 24 deputados, além de auxiliares da administração direta.

No encontro, o chefe do Executivo estadual reafirmou a importância da integração e união entre o Executivo e Legislativo, essencialmente neste momento em que foi convocada uma sessão extraordinária na Assembleia Legislativa para esta quinta-feira (11), para rápida tramitação dos projetos, visando ao reequilíbrio financeiro do Estado.

Para balizar os deputados sobre a atuação do governo em diversas áreas, os secretários de Estado do Planejamento e das Finanças, Gustavo Nogueira, de Administração e Recursos Humanos, Cristiano Feitosa, e do Trabalho, Habitação e Assistência Social, Vagner Araújo, fizeram apresentação mostrando a frustração de receita, redução de despesas e investimentos realizados, respectivamente, mesmo diante de um cenário desfavorável.

Robinson Faria declarou que a união, não só entre Governo e Assembleia, mas com os demais Poderes e órgãos, é essencial. “O clima é de plena cooperação. Este momento é decisivo para o futuro do nosso estado. Nós estamos reunidos em caráter de urgência para tirar o quanto antes o RN da crise”.

O governador continuou a fala aos deputados lembrando que outros estados já se uniram para aprovar pacotes semelhantes. “Este não é um pedido do governador, é um apelo para revigorar economicamente o nosso estado, assim como deputados fizeram no Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul. A aprovação do pacote fiscal significará normalidade para a gestão e tranquilidade para a população. Estamos aqui para dividir o protagonismo para salvar o estado”, concluiu.

Anúncios

Seis órgãos do Governo serão extintos, confira

EMGERN

Empresa gestora de ativos do Governo, criada para administrar os ativos do ex-Bandern.

 EMPROTUR 

Os serviços da Emprotur serão absorvidos pela Secretaria de Turismo.

SEARA

A Secretaria de Estado de Assuntos Fundiários e Apoio à Reforma Agrária – Seara – será extinta e suas funções absorvidas pela Secretaria de Agricultura.

SEEL

A Secretaria Estadual de Esporte e Lazer – SEEL – será absorvida pela pasta da Educação.

DEI

O Departamento Estadual de Imprensa – DEI – será integrado a Assessoria de Comunicação do Governo. 

DATANORTE

A Datanorte finalmente será extinta, cumprindo uma lei de 1995.